Rio de Janeiro, . | Esquerdismo, Política


Se Temer fracassar o PT será necessariamente culpado

Uma conhecida tática da esquerda radical consiste em atirar um grande volume acusações contra o alvo da vez. Tendo em vista que é inviável refutar todos os ataques proferidos pela militância vermelha, há uma chance razoável de que tal campanha seja, mesmo que parcialmente, bem-sucedida em macular a reputação da pessoa ou entidade alvejada.

Rio de Janeiro, . | Economia, Esquerdismo


As raízes esquerdistas da política econômica petista

Este autor recebe com relativa frequência solicitações para explicar as diferenças teóricas que fizeram com que a política econômica adotada de 2008 até o fim do primeiro mandato de Dilma Rousseff fosse tão distinta daquela que vigorou durante o governo FHC e os primeiros anos do governo Lula. Este artigo tem como objetivo proporcionar uma sucinta resposta para tal pergunta.

Rio de Janeiro, . | Economia


A vodunomia petista

Definitivamente, aquilo que se convencionou chamar de 'política econômica' petista não desfruta da admiração deste autor. Testemunhei a sua implementação pelo quinteto Lula, Dilma Rousseff, Guido Mantega, Nelson Barbosa e Arno Augustin com perplexidade e repulsa similares às que um médico sentiria ao ver uma pessoa plenamente sadia ser amarrada a uma maca e passar por uma sucessão de experimentos.

Rio de Janeiro, . | Política


O salário do Bessias

O leitor certamente se recorda do episódio no qual a presidente Dilma enviou para o Sr. Lula um termo de posse antecipado que somente deveria ser utilizado em caso de 'necessidade'. Essa infame ocorrência teve como coadjuvante um mensageiro, ao qual a presidente se referiu como Bessias.

Rio de Janeiro, . | Política


Dilma, a ilegítima

Desde o início do debate sobre a deposição da presidente Dilma Rousseff, o PT e seus simpatizantes alegam que tal hipótese é absurda, pois Dilma desfrutaria da legitimidade decorrente do voto popular. Tal argumento foi utilizado pela própria presidente em agosto último, quando ela declarou que o "voto é a fonte da minha legitimidade".